Rede Social

Rede Social

O Programa da REDE SOCIAL foi criado pela Resolução do Concelho de Ministros n.º 197/97, de 18 de Novembro, que define a REDE SOCIAL “como um fórum de articulação e congregação de esforços baseada na adesão livre por parte das autarquias e das entidades públicas ou privadas sem fins lucrativos que nela queiram participar com vista à erradicação ou atenuação da pobreza e exclusão social e à promoção do desenvolvimento social”.
 È uma perspectiva de intervenção que apela às especificidades e às diferentes sinergias do local na luta contra a pobreza e exclusão social. Com a REDE SOCIAL procura-se reforçar o sentido colectivo na resolução dos problemas, levando a uma maior articulação das entidades entre si (públicas e privadas sem fins lucrativos), quebrando com o seu isolamento e rompendo com as intervenções sociais fragmentadas e atomizadas. Esta é uma das mais valias da REDE SOCIAL, além de modificar o relacionamento da Administração Pública com as Instituições Particulares de Solidariedade Social, passando de um posicionamento vertical para um mais horizontal, potenciando, assim o surgimento de parcerias locais.
Só através de uma acção colocada em rede, muito especialmente de uma rede local dinâmica onde imperem os princípios da Subsidiariedade, da Integração, da Articulação, da Participação e Inovação que se conseguirá lidar com muitos problemas sociais de carência e exclusão.
Trabalhar em rede significa que os agentes locais estão interessados num verdadeiro processo de mudança, a qual implica uma corresponsabilidade dos actores envolvidos quanto ao sucesso do conjunto da intervenção, pressupondo igualmente que os agentes se encontrem em condições de definir, para além dos seus interesses e até divergências, uma estratégia comum e consensual para a actuação social.

A implementação da Rede Social em Paços de Ferreira teve início em Abril de 2003, tendo-se realizado uma sessão de informação sobre a Rede Social, dinamizada pelos técnicos da Equipa da Rede Social de Lisboa, dirigida às instituições sociais do concelho que aceitaram o convite para participar na sessão. Posteriormente, foi constituído o Núcleo Dinamizador, com o objectivo de preparar a constituição do Conselho Local de Acção Social de Paços de Ferreira – CLAS.

Mais informações em: http://www.redesocialpf.com/

 

Ação Social